Guia prático sobre como fazer o livro caixa do consultório médico

Guia prático sobre como fazer o livro caixa do consultório médico

O Livro Caixa do consultório médico é uma importantíssima ferramenta que tem por objetivo manter a sua gestão em dia, bem como atender a determinadas questões legais. Apesar de ser bem conhecido e ter uma importância crucial, muitos ainda não utilizam essa ferramenta de forma correta.

Mesmo os que utilizam da forma correta podem cometer erros, prejudicando a gestão de suas despesas e receitas e abrindo margem para ter problemas com os órgãos de fiscalização. Neste artigo, você entenderá tudo o que precisa saber sobre o Livro Caixa. Acompanhe!

Livro Caixa do consultório médico: conceito e importância

O Livro Caixa, nada mais é que um tipo de documento em que são registradas todas as entradas e saídas de recursos que ocorreram dentro de um consultório médico. Ele pode ser utilizado, inicialmente, para gerenciar o dinheiro recebido, bem como os gastos que ocorreram.

A responsabilidade pela manutenção do Livro Caixa

A pergunta que muitos médicos empreendedores fazem é sobre a responsabilidade do preenchimento do Livro Caixa. Inicialmente, é necessário entender que o responsável pelo seu negócio será, exclusivamente, você.

No entanto, isso não significa que o dono do empreendimento deverá, ele próprio, preencher o seu livro caixa. Esta tarefa pode ser realizada por um colaborador do consultório. No entanto, você responderá por todas as informações que estão descritas nele. Sendo assim, é importante acompanhar de perto todas as atividades.

A periodicidade da elaboração de um Livro Caixa

Não existe uma periodicidade pré-determinada para o preenchimento do Livro Caixa. Isso porque, ele deve ser alimentado todas as vezes em que ocorrer um movimento financeiro, seja ele de recebimento ou pagamento.

Despesas dedutíveis e Imposto de Renda

Para profissionais autônomos da área médica que utilizam o Carnê Leão, o Livro Caixa será um auxílio indispensável na hora de enviar sua declaração do Imposto de Renda. Isso porque você já terá todas as informações consolidadas e prontas para serem inseridas em sua declaração.

Além disso, a Receita Federal permite que algumas das despesas descritas no Livro Caixa sejam deduzidas da base de cálculo do IR, entretanto, existe um limite para isso. Se em determinado mês suas despesas superarem às receitas, é possível somar esse excesso no mês subsequente.

Além disso, são deduzidas do IR as despesas relacionadas à sua atividade principal, tais como aluguel, energia elétrica da clínica, água, internet e telefone, bem como, passagens, hospedagem e alimentação em cursos, treinamentos e congressos na área médica.

Emissão do Livro Caixa

A emissão do livro caixa pode ser feita utilizando a seguinte estrutura: uma coluna para a inclusão da data de movimentação, histórico — o que deu origem à entrada ou saída — valor de recebimento ou pagamento e, por último, saldo em caixa.

Controle e gestão de gastos

Por fim, o Livro Caixa pode ser utilizado como uma excelente ferramenta de gestão. É possível registrar todas as suas movimentações diárias e, com o auxilio de ferramentas tecnológicas, emitir relatórios contendo informações importantes sobre as suas finanças finanças, apresentando-se como uma forma de embasar decisões gerenciais importantes.

Seguindo as indicações desse pequeno guia, você conseguirá elaborar um bom Livro Caixa do consultório médico, podendo obter todas as vantagens relacionadas à melhor gestão e administração das despesas e receitas, bem como, atender às questões legais destinadas a ela.

Gostou deste artigo? Que tal ficar por dentro de todas as novidades que postarmos em nosso site? Então, siga nossos perfis nas redes sociais. Facebook, Instagram, Linkedin, YouTube.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *